Dica de Leitura: As Pequenas Virtudes do Lar, Georges Chevrot | 58 de 365

Dica de Leitura: As Pequenas Virtudes do Lar,  Georges Chevrot

As famílias cristãs vão começar a escapar do lamaçal de mediocridade e ignorância quando dedicarem-se seriamente à formação humana. E não é possível fazê-lo sem dedicar muito tempo lendo e estudando bons livros. Por esse motivo, começaremos uma seção de dicas de leitura para as famílias que pretendem elevar a cabeça para além do ambiente bovino a que estão determinados os homens desse nosso tempo conturbado.

Sugiro como livro para leitura da família um clássico de Georges Chevrot: As pequenas virtudes do lar (Quadrante). Nessa obra-prima, o autor apresenta um dado que precisa nortear cada lar cristão, cada matrimônio que visa o Céu: as grandes virtudes cristãs, se não são antecedidas e preparadas pelas pequenas virtudes do lar, são apenas casca e verniz, que rapidamente serão desmascaradas. Além do mais, se não se apresentam tais virtudes no seu próprio lar, o que deveria se tornar motivo de alegria e regozijo no lar torna-se causa de lutas e contendas. Se não é a esposa e os filhos os primeiros a receberem a cortesia, a gratidão, a paciência, a atenção do esposa, mas os de fora de casa, é mais que justo que a casa ferva em discussões intermináveis: as virtudes cristãs não são feitas só para os de fora. Elas devem ser utilizadas com mais razão para os de dentro. É para o consumo interno e não para a exportação que se é virtuoso. Sem suas filhas, as pequenas virtudes do dia a dia, não se pode dizer seriamente que há as grandes virtudes cardeais (prudência, fortaleza, justiça e temperança). Um lar católico precisa ser salpicado por essas pequeninas e doces virtudes cotidianas.

Por favor, compartilhe o vídeo para seus contatos e curta a nossa fanpage. Ajude-nos a formar matrimônios mais santos e a salvar famílias para Deus.

Assinar o canal no Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCOWheh0yDnlUBSp9wynm3HQ?sub_confirmation=1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *