Dica de Cinema: O Destino (Al Massir), Youssef Chahine | 33 de 365

Dica de Cinema: O Destino (Al Massir), Youssef Chahine

A dica da semana é o filme do cineasta egípcio, Youssef Chahine. O filme conta a história do filósofo árabe Averróis. Apesar de o tema da família não ser o principal, é perfeitamente possível aproveitar o filme para uma reflexão que sirva à formação dos casais católicos. O assunto principal do filme é a relação do fundamentalismo com a formação integral do homem: é inversamente proporcional a capacidade de diálogo e tolerância com o crescimento da intolerância e da violência.

O filme narra a vida de um grande filósofo árabe e é uma dura crítica ao modo como o mundo árabe tem se relacionado com as formas de cultura desde o século XII. O filme serve para qualquer família pois deixa evidente o que ocorre com qualquer civilização que abre mão das formas de cultura mais comuns, como a música, a literatura, as ciências e – obviamente – a filosofia. Ao liberar-se das travas das ciências naturais e do discurso filosófico, os fundamentalismos encontram-se sem limites. E aí surgem os aproveitadores ideológicos. Eles sempre estão por aí:  o fundamentalismo religioso é o germe do fundamentalismo ideológico. E ambos têm a mesma fonte venal: o obscurantismo cultural!

Não é possível um casamento católico sem abertura para as honestas formas de cultura. A verdade, onde quer que ela apareça, está a favor do Evangelho. Logo, não é necessário temer o cinema, a literatura, a escultura ou a música. Claro que é preciso muito cuidado (talvez nem tanto quanto na Roma Antiga), mas não se pode perder a oportunidade de educar e anunciar o Evangelho a alguém por medo injustificado dos meios de comunicação. O preço a pagar para quem se fechar é repetir os erros do passado: fundamentalismos e violência são o salário do que ignora. Não caiamos na armadilha árabe!

Assinar o canal no Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCOWheh0yDnlUBSp9wynm3HQ?sub_confirmation=1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *